Honbu


O Shinto Ryu foi fundado por Hibino Raifu no ano de 1888. Em 1927, chegou ao Brasil o Sensei Mitsugi Yoshimatsu, discípulo do fundador, que passou a lecionar Shinto Ryu aos alunos interessados até 1977, quando vem a falecer. Dentre os seus discípulos, cabe destacar o trabalho do professor George Guimarães, um estudioso da espada que tem dado especial cuidado à espada japonesa, a seu espírito e utilização. Ele obtém o grau de Menkyo pleno por parte do Sensei Yoshimatsu e, atualmente, leciona Iai Do através de uma metodologia própria.Na década de 80, o professor George entrega os conhecimentos de Iai Do adquiridos do Sensei Yoshimatsu ao Professor Michel Echenique, Sôke do estilo Nei Kung e 1º Diretor do Instituto Internacional de Artes Marciais Filosóficas Bodhidharma. O Prof. Michel Echenique iniciou no estudo do Iai Do o Prof. César N. Ortiz, que foi seu Discípulo até o momento do seu falecimento. O Professor César Ortiz solicitou ao Sohonbu um reconhecimento do trabalho feito no Brasil dos professores Michel e George. Isso ficou registrado em um diploma com esses dizeres, que o próprio Sôke Hibino Massaharu entregou na ocasião de sua vinda ao Brasil. Atualmente, o responsável do estilo para a América do Sul e América Central, com a Sede Central no Brasil do Shinto Ryu é o Professor César Nicolas Ortiz Rojas (CREF 047011-P/SP), responsabilidade essa outorgada no Japão em 2005 pelo 3º Sôke. É discípulo direto do: 10º Dan Mori Sensei em Kenbu-Do, Shintoryu Shintokan Iai-Do e Iaido ZNKR; do Sôke Hibino Massaharu em Shinto Ryu No Dentou e de Shigin com Mori Nobue Sensei. Seu conhecimento de Iai Battô Jutsu foi obra do estudo junto ao Sensei Mochizuki Takeshi até o ano 2010. Anteriormente, foi nomeado Menkyo pelo professor G. Guimarães. O Prof. César tem difundido a prática do Shinto Ryu no Brasil, tendo instrutores faixas-pretas reconhecidos pelo Japão em praticamente todos os estados da União. Também tem alunos nos países: Espanha, Israel, Áustria, Hungria, Equador, Paraguai, Bolívia e Peru. Atualmente mora no Japão.

Este post também está disponível em: Espanhol, Inglês